[Logo da Fabrica Arp]

Acesso Exclusivo

Esqueci a senha
[Espande Menu]
[Arp]

HISTÓRICO

História

11 DE JUNHO DE 1911

Inauguração da indústria Julios Arp & Cia, que
pertencia a Peter Julius Ferdinand Arp.

  • Trinta e seis funcionários e oitenta e nove máquinas marcaram o início promissor dessa empresa.

    Em 1919, a Arp cntava com 130 empregados, chegando a cerca de 1200 na década de 1980.

    Pioneira nos direitos dos trabalhadores, oferecia aos funcionários: serviço médico e odontológico, creche,
    residências a baixo custo e programa de treinamento.

    Matinèe Dançante


    “Para boa harmonia durante o baile,
    pede-se às damas o obséquio de não
    recusarem os cavalheiros para as
    danças”

    Texto do cartaz exposto no salão

    1934
    Criação do Recreio Musical dos Operários da Fábrica de Rendas Arp Opções culturais aos funcionários e
    à comunidade

    Ainda em 1934, a Arp recebeu um diploma de
    honra do Ministério do Trabalho, por garantir a
    alimentação dos trabalhadores.

    1948
    Inauguração da 1ª escola oferecida pela Arp. Mais
    tarde, 1962, inaugura a Escola Fábrica de Rendas
    Arp, educação gratuita aos filhos dos funcionários.

    1980
    Um almoço muito animado marcou a inauguração
    do “Edifício Social” - refeitório e auditórios novos.

    A Arp ainda hoje mantém um grande acervo
    composto de pinturas, documentos antigos e algumas
    das primeiras rendas produzidas pela fábrica.

    A partir de 2007, ano em que se instaurou uma crise econômica mundial, a fábrica viveu momentos de
    grande turbulência. Em agosto de 2011, por conta principalmente da concorrência com os produtos
    chineses, a Arp veio a público informar o encerramento de suas atividades têxteis. Atualmente, o espaço se
    tornou um complexo multiúso. Algumas seções foram alugadas para grandes empresas da cidade. O espírito
    empreendedor permanece. A história da empresa se funde com a história de Nova Friburgo. Muitos foram
    os momentos da expansão.

    A Arp foi eleita a melhor indústria têxtil do Estado do Rio nos anos 2001, 2002, 2003 e 2005. Em 2006 a
    fábrica celebrou seus 95 anos de existência.